Ocorreu um erro neste gadget

sábado, 30 de junho de 2012

Presentes



 "Presentes"

O presente é sempre um sinal de afeto e distinção entre a pessoa que oferece e a que recebe.

Sempre aconselhável escolher o presente de acordo com a profissão ou
  condição de quem vai recebê-lo.

Se a sua oferta vem a ser alguma prenda de confecção pessoal, como sejam um
  quadro ou alguma obra de natureza artística, evite perguntar por ela depois de sua doação ou conduzir pessoas para conhecê-la, criando embaraços em suas relações afetivas.

Omita o valor ou a importância de sua dádiva, deixando semelhante avaliação
ao critério dos outros.

Depois de presentear alguém com o seu testemunho de amizade, é sempre justo
  silenciar referências sobre o assunto para não constranger essa mesma pessoa a quem supõe obsequiar.

Se você deu um presente e a criatura beneficiada passou a sua dádiva para
  além do seu círculo pessoal, felicitando outra criatura, não lance reclamações e sim considere as bênçãos da alegria multiplicadas por sua sementeira de fraternidade e de amor.


                              André Luiz

                             Médium:- Francisco Cândido Xavier,

                            Livro “SINAL VERDE” - edição CEC

Fala-me de Ti!




Fala-me de ti.
Diz-me o que são os teus sonhos e o que é a tua realidade.

Conta-me sobre teus dias, como são:-
- se o sol brilha constante,
- se há chuvas intermitentes, ou se apenas seguem o rumo dos que não esperam muito da vida.

Conta-me tuas aspirações e fala-me das decepções
que o mundo já te causou.


Fala-me de tuas noites; existe música no ar a embalar teu sono ou o que te cerca é apenas a quietude terrível da solidão.


Não tenhas receio de expor teu coração a mim.
Quero ouvir-te falar, em silêncio, sem interrupções.


Quero beber tuas palavras, embriagar-me no som de tua voz, mergulhar nas profundezas de teu olhar e seguir o caminho já trilhado, mesmo sem saber onde termina.


Quero descobrir teus segredos, teus medos, teus anseios.


Nada me perguntes, apenas me fala de ti.
Amanhã, quem sabe, também falarei de mim.


Poesia deRose Mori
www.fantasiasdaalma.com.br
Música:- Emoções / Eduardo Lage
Formatação:-  NC 16/10/2008


sexta-feira, 29 de junho de 2012

Perdi Tempo...........




Perdi tempo quando olhei para trás. 

Vejo que me preocupei com tolices. 

Perdi tempo agradando os outros  e acabei esquecendo de mim mesma. 

Perdi tempo pensando sobre o que os outros iam falar, dizer de mim, e era tão preocupada com os outros que não conseguia mais enxergar-me.

Perdi tempo com meus complexos que mais pareciam  algemas  e pesavam toneladas. 

Complexos que me impediam de viver a vida plenamente!   

E estes complexos, hoje tão insignificantes, eram monstros que me amedrontavam no passado.

Perdi tempo vivendo numa redoma  cercada de medos, complexos e insegurança.

Perdi tempo na minha infância que poderia ter sido florida e carregada  de alegrias.
 
Fui carregando aquele peso.

O complexo que me consumia aos poucos. 

Perdi tempo na minha adolescência. 

Lá estava eu com os outros, complexos de gordura, feiúra e inferioridade.  

Perdi tempo com bobagens, na esperança de que dias melhores viriam. 

Bobagens. 

Hoje , realmente posso dizer isso.  

Mas, no passado, tudo isso era um peso para minha pobre alma. 
 
Sei que perdi tempo,  mas tem algo que eu nunca perdi:-
- Perdi tempo, mas tenho algo precioso ainda - a vida.  

E tenho muito ainda para viver. 

Pois foi perdendo tanto tempo que aprendi a crescer como ser humano.

* * *

Perdi tempo, muito tempo! 

Hoje já não o posso perder. 

Cada segundo eu o vivo intensamente, como se único fosse, o último sendo.


Editorial:- Transformação Moral, Lar e Evangelho.



"Reconhece-se o Verdadeiro Espírita pela sua transformação moral [...]."
                                                                                          Allan Kardec




A conclusão do Codificador acima transcrita, que consta do capítulo XVII, item 4, de O evangelho segundo o Espiritismo, é  absolutamente coerente.

O Verdadeiro Espírita está convicto de:-
- que é um Espírito imortal, já com inúmeras reencarnações vivenciadas; 
- sabe que está sujeito à Lei do Progresso que emana de Deus, pela qual todos nós evoluímos espiritual, moral e intelectualmente; e 
- reconhece em Jesus o Espírito mais perfeito que a Providência Divina oferece à Humanidade para lher servir de guia e modelo.

O lar, por sua vez, é o núcleo social onde devemos desenvolver as nossas atividades básicas de relacionamento, convivendo com Espíritos que nos são afins e com os quais, também, necessitamos ter afinidade, reparando erros ocorridos nesta e em outras existências e construindo laços mais duradouros de sentimento fraterno e solidário.

O Evangelho é o repositório  da mais pura expressão da Lei do Amor que rege a vida; é o roteiro que Jesus nos ensinou e exemplificou, que nos serve de diretriz e referência para o esforço de aprimoramento espiritual e moral.

Ciente desta realidade, é natural e conveniente que nos reunamos em família, diária ou semanalmente, para conhecer e estudar os ensinos do Evangelho de Jesus que, enriquecido com os esclarecimentos da Doutrina Espírita, oferece-nos uma visão clara de nossa condição de Espíritos imortais e um sentido lúcido, coerente e bom para a nossa atual existência.

A reunião do Evangelho no Lar, em si mesma, já nos proporciona Paz e Compreensão.

Oferece-nos mais, uma vez que nos orienta e fortalece para a execução da nossa transformação moral, no próprio ambiente doméstico.

Quando o lar abre suas portas para o estudo e a prática do Evangelho, à luz da Doutrina Espírita, transforma-se em um posto espiritual de ampara, de luz e de paz que irradia além dos seus próprios limites.


Reformador - Federação Espírita Brasileira
Deus, Cristo e Caridade
Ano 126 - Nº 2.150 - Maio 2008


Revista Espírita - 150 Anos - 1858 - 2008




quinta-feira, 28 de junho de 2012

A Semente do Sucesso

 
"A Semente do Sucesso" 



Um empresário bem-sucedido sabia que era tempo de escolher um sucessor para liderar seus negócios.

Ao invés de designar um dos diretores ou um de seus filhos, ele reuniu os jovens executivos de sua empresa e lhes disse:-
- “Chegou o momento em que devo escolher o próximo CEO. 

Decidi escolher um de vocês”.

Os jovens executivos ficaram surpresos, mas o CEO continuou:-
- “Eu vou dar a cada um de vocês uma semente hoje – uma semente muito especial. 

Plantem-na, reguem-na e daqui a um ano tragam-me o que vocês cultivaram a partir dessa semente. 

Eu vou julgar as plantas que vocês me trouxerem e escolher o próximo CEO”.


Um deles, Jaime, entusiasmado, contou o plano à esposa. 

Ela o ajudou a encontrar um vaso, terra e adubo e plantou a semente. 

Todos os dias, ele a regou e observou para ver seu crescimento. 

Em pouco tempo os executivos começaram a falar sobre suas plantas que começavam a crescer.


Jaime continuou a checar sua semente, mas nada germinava. 

Passaram-se semanas e nada. 

Todos os outros falavam de suas plantas, mas Jaime não fizera a sua germinar e sentia que tinha fracassado. 

Seis meses se passaram e nada ainda surgira no seu vaso. 

Ele concluiu que tinha matado sua semente, mas não disse nada aos colegas.

Ele continuou a regar e adubar o solo e queria desesperadamente que a semente germinasse. 

Quando findou o ano, os executivos foram instruídos a levar suas plantas para serem inspecionadas pelo CEO. 

Jaime disse à esposa que se recusava a levar um vaso sem nada, mas ela insistiu para que ele fosse honesto sobre o que tinha acontecido. 

Seria o momento mais embaraçoso por que ele já passara, mas ele sabia que a esposa estava certa.

Jaime levou seu vaso sem planta para a sala de reunião. 

Quando chegou, a variedade de plantas que os outros executivos tinham cultivado o deixaram surpreso. 

Eram lindas e de vários formatos e tamanhos. 

Quando colocou seu vaso sem planta no chão, muitos de seus colegas riram.

O CEO chegou e Jaime tentou se esconder no fundo da sala. 

“Ora, que plantas, árvores e flores maravilhosas vocês cultivaram”, disse o CEO. 

“Hoje um de vocês será designado o novo CEO!” 

Foi então que ele notou Jaime e o convidou para ir à frente com seu vaso sem planta.

Jaime estava apavorado. 

“O CEO sabe que sou um fracasso! 

Talvez ele vá me despedir!”- pensou. 

O CEO perguntou o que acontecera com sua semente. 

Jaime explicou que, apesar de seus esforços, nada germinara. 

O CEO voltou-se para o grupo e mandou que todos se sentassem, menos Jaime. 

E olhando para ele, anunciou:-
- “Olhem para o seu novo CEO! 

Seu nome é Jaime!”

O CEO, então, explicou:-
- “Há um ano eu dei a cada um desta sala uma semente. 

Eu lhes disse para plantá-la, regá-la e trazê-la de volta após um ano. 

Mas eu dei a todos vocês sementes que tinham sido fervidas; não era possível que germinassem. 

Todos vocês, exceto Jaime, trouxeram plantas e flores saudáveis. 

Quando descobriram que a semente não germinava, vocês a substituíram por outra. 

Jaime foi o único com coragem e honestidade para me apresentar um vaso com a minha semente. 

Portanto, ele será o único a ser escolhido o novo CEO”.

Alguém disse:-
- “Se você plantar honestidade, colherá confiança. 
- Se plantar humildade, colherá grandeza. 
- Se plantar perseverança, colherá satisfação. 
- Se plantar trabalho duro, colherá sucesso. 
- Se plantar perdão, colherá reconciliação. 
- Se plantar fé, colherá uma safra. 

 Portanto, seja cuidadoso com o que planta hoje; isso determinará o que você colherá amanhã”.


“A pessoa honesta anda em paz e segurança, mas a desonesta será desmascarada” – Provérbios 10.9

“As pessoas direitas são guiadas pela honestidade. 
 A perversidade dos falsos é a sua própria desgraça” – Provérbios 11.3




Lar, Um Lugar Para Voltar - A Vila

"Lar, Um Lugar Para Voltar - A Vila"

Você já se deu conta da importância do seu lar?

Não nos referimos ao valor financeiro da sua casa, mas da importância do aconchego do lar.


Na correria do nosso dia-a-dia, muitos de nós não pensamos no que significa ter um lar para voltar, ao final de um dia de trabalhos intensos e cansativos.


No entanto, o lar é a base segura de todos aqueles que possuem esse grande tesouro.


Temos acompanhado as histórias de pessoas que obtiveram grande sucesso nas artes, na música, nos esportes, e todos eles apontam a união familiar como ponto de apoio seguro.


Existem pessoas que lutaram com dificuldades, passaram por necessidades de toda ordem, mas lograram êxito graças ao carinho e à dignidade dos pais que ofereceram suporte para vencer os obstáculos.


Por essa razão, o lar é um elemento indispensável como base para uma carreira de sucesso.


Não importa o tamanho da construção nem o material de que é feito, mas importa que seja um verdadeiro ninho de amor, afeto e amizade.


Pode ser uma mansão ou uma tapera...


Um bangalô ou um barraco singelo...


Pode faltar o pão, mas não deve faltar o abraço de ternura de uma mãe dedicada...


Pode faltar uma cama confortável, mas não devem faltar os braços fortes de um pai que ampara e orienta...


Pode faltar o luxo, mas não deve faltar o toque delicado de uma mãe caprichosa.


Pode faltar muita coisa, mas não pode faltar o diálogo amigo que estreita os laços e se faz ponte de entendimento em todas as situações.


A casa pode ser frágil e não oferecer resistência contra a chuva fria, mas o lar deve ser bastante resistente para suportar as investidas das drogas e de todos os vícios.


A construção pode balançar com os açoites dos ventos impiedosos, mas o lar deve se manter firme, mesmo diante das investidas mais ásperas da indignidade e da desonra.


Se você nunca havia pensado nisso, pense agora.


E, à noitinha, enquanto o sol se despede do dia e o manto escuro da noite se estende sobre a cidade e você, vencido pelo cansaço, avistar seu lar de portas abertas e um familiar de braços abertos para dizer:


Olá! 

Como foi seu dia? - perceberá como é importante poder voltar para casa.

Com chuva ou com sol, lá está o nosso lar para nos acolher e nos dar abrigo.


Por essa razão, valorizemos esse refúgio seguro no qual passamos a maior parte de nossas vidas, valorizando também aqueles que compartilham conosco desse pequeno oásis e fazendo com que ele possa ser um verdadeiro porto seguro.


E nunca nos esqueçamos de que o lar, mesmo quando assinalado pelas dores decorrentes do aprimoramento das arestas dos que o constituem, é oficina purificadora onde se devem trabalhar as bases seguras da Humanidade de todos os tempos.


                     
Redação do Momento Espírita.
                  Disponível no CD Momento Espírita

                                  v. 4, ed. Fep.
                                 Em 29.03.2010.

                     Música:-  A VILA de Plínio de Oliveira

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Notas Breves



"Notas  Breves"


Não perca tempo.

Não fuja ao dever.


Respeite os compromissos.


Sirva quanto possa.


Ame intensamente.


Trabalhe com ardor.


Ore com fé.


Fale com bondade.


Não critique.


Observe construindo.


Estude sempre.


Não se queixe.


Plante alegria.


Semeie paz.


Ajude sem exigências.


Compreenda e beneficie.


Perdoe quaisquer ofensas.


Atenda à pontualidade.


Conserve a consciência tranquila.


Auxilie generosamente.


Esqueça o mal.


Cultive sinceridade, aceitando-se como é e acolhendo os outros como os
outros são, procurando, porém, fazer sempre o melhor ao seu alcance.

                                    André Luiz

                   Médium:- Francisco Cândido Xavier,

                               Livro “SINAL VERDE” 
                                    edição CEC 


Ponte sobre Águas Turbulentas !!!


Esta é uma das músicas que mais fala ao meu coração

video

A beleza desta música, letra e melodia, interpretada com tanto sentimento por Elvis Presley, é a mensagem que envio como votos de um novo Ano, pleno de Amor e Luz.




 ReginaCoração



Recebido por e-mail da
Amiga Regynna Paula

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Progresso e Amor

"Progresso e Amor"



Grande — é o avanço do progresso.
Maior — será sempre o amor que o ilumina.

 
                                                -0-

Grande — é a inteligência dos que fabricam os pássaros metálicos
que povoam os céus do mundo.
Maior — é a inteligência de quantos se utilizam deles para
levantar a fraternidade entre os povos.


                                                -0-


Grande — é a eficiência dos que engenham máquinas que eliminam as
  distâncias.
Maior — é o espírito de responsabilidade e entendimento daqueles
que as dirigem favorecendo o trabalho.

                                                  -0-


Grande — é o raciocínio de quantos se dedicam à radiotelevisão,
sustentando a informação rápida na vida comunitária.
Maior — é a bondade de quantos lhe manejam os recursos em auxílio
  da educação entre as criaturas.

                                                 -0-


Grande — é a força de quantos organizam as maravilhas da imprensa.

Maior — é o poder de todos aqueles que escrevem para instruir e
reconfortar os irmãos em humanidade.

Grande — é a segurança dos que formaram o trator destinado a
  revolver facilmente o solo.
Maior — é o mérito de quantos semeiam com humildade e devotamento,
  formulando os prodígios do pão na mesa.

                                                -0-


Grande — é a técnica.

Maior — é a compreensão.


                                               -0-


Grande — é a cultura que ensina.

Maior — é a caridade que socorre.


                                                -0-


Onde estiveres e seja com quem for,
Ama sempre.

                                               -0-


O progresso faz estruturas.

O amor acende a Luz do caminho.


Por isto mesmo aprendemos a trabalhar e servir sempre, a fim de
  conquistarmos a felicidade maior.

                                                -0-


Em verdade perante Deus por mais por mais amplo o surto de

evolução, que nos caracterize a existência, não haverá progresso real sem a bênção do Amor.


                               De “Companheiro”, 
                      de Francisco Cândido Xavier,
                          pelo Espírito Emmanuel


Para Reflexão - Vida Feliz - Deus




"Vida Feliz - Deus"
Confia sempre na ajuda Divina.

Quando te sentires sitiado, sem qualquer possibilidade de liberação, o socorro te chegará de Deus.

Nunca duvides da paternidade celeste.

Deus vela por ti, e te ajuda, nem sempre  como queres, porém, da melhor forma para a tua real Felicidade.

Às vezes, tens a impressão de que o auxílio superior não virá ou chegará tarde demais.

Passado o momento grave, constatarás que o recebeste alguns minutos antes, caso tenhas perseverado à sua espera. 

Livro:- Vida Feliz 
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco


 

domingo, 24 de junho de 2012

Respeite Sempre!




"Respeite Sempre!"


Devemos sempre respeitar o próximo, isso é sinal de evolução espiritual.
Podemos não concordar com maneira de pensar do outro, mas é nosso dever respeitar.
Eu não como carne.
Ok! 
É uma opção minha, posso até não concordar com a escolha das pessoas por carne, mas sempre respeito.
Muitas vezes topo com pessoas que não respeitam minha convicção de vegetariana, a maioria quer discutir, impor suas idéias e querem porque querem me convencer de algo que eu não quero e nem preciso, eu não quero convencer ninguém a nada só quero ver minha opção respeitada.
Creio que a maioria das pessoas quer isso:-
- o respeito as suas idéias, 
- crenças e 
-convicções, mas tem sempre alguém tentando nos convencer de que seu modo de vida é o melhor.

Tem donos da verdade em tudo que é lugar, todo mundo banca o sabe tudo, mas é muito mais fácil falar, se impor e tecer críticas quando é com os outros. 

Eu aprendi a dar minha opinião apenas quando sou solicitada, assim:-

- evito invadir a privacidade e desrespeitar os outros, 
- não mando mensagem religiosa para ninguém, 
- não digo a ninguém o que deve comer e como deve viver, 
- se for solicitada darei minha opinião, 
- se não for, me calo, 
- isso se chama bom senso, quem dera todo mundo o tivesse,o mundo seria melhor, mais agradável, mais leve...

Vivemos poucos elementos da espiritualidade em nossas relações e assim vivemos em pé de guerra.

Respeitar é estar pronto para dar e receber sem julgar.
A espiritualidade se baseia no amor e respeito mútuo.

Respeitar as diferenças e saber conviver com elas é fundamental para ter relacionamentos saudáveis.

A causa da maioria das brigas em família é a falta de respeito de uns pelos outros, as pessoas se acham no direito de querer mudar as outras, impondo suas opiniões de forma desagradável e agressiva, seria tão melhor conviver com as diferenças daqueles que estão sob o mesmo teto, fazendo disso um exercício de aprendizado para a vida!

Para mim isso é espiritualizar-se...
Conviver com um filho que tem crenças diferentes e aprender com ele, trocar, enriquecer-se mutualmente...
Mas as pessoas querem brigar, exigir, fazer piadas das escolhas dos outros...
RESPEITO É TUDO NESSA VIDA E NA OUTRA... 
 

Copiado do Site:-
http://vomariaconga.blogspot.com.br/


Acreditas em Deus?



"Acreditas em Deus?"
Se não acreditas em Deus, poderias responder-me algumas perguntas?
Qual o dedo humano que traçaria este arco?
E qual pintor pintaria este quadro?
E quem cuidaria de gêmeas tão indefesas?
E poria tantos olhos na terra ...
... sem esquecer de um grande diamante no céu para iluminá-los?
E qual arquiteto desenharia este cenário?
Algum poeta humano escreveria versos tão ternos?
Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o Reino dos Céus!
Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados!
Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra!
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados!
E qual biólogo faria olhos tão lindos?
Algum pastor enviaria amigo tão dedicado?
Se não acreditas em Deus, fala-me de ti.
Quem te premiou com máquina tão perfeita que é teu corpo e jóia tão rara que é teu Espírito?
Pusestes carmim nos lábios das rosas e perfume em seus corpos?
Colocastes o alfinete neste colarinho?
E destes a esta flor uma torre de açúcar?
Certamente não dobrastes estas pétalas em forma de balão.
Como encontrar autores para as montanhas, o mar, o deserto ou um simples gafanhoto?
Como não acreditar em Deus sem desconfiar de si próprio?
Como explicar o tempo, a luz, o grão de trigo, a vida?
Na verdade, quando negamos Deus, o afirmamos, pois a liberdade de escolha que Ele nos dá é que nos permite negá-lo.
Sem Ele não teríamos o topete deste passarinho.
Aliás, nem sequer existiriam passarinhos.
Manejaríamos feito loucos uma tesoura e não conseguiríamos modelar estas pétalas.
Gastaríamos toda a tinta do mundo para colorir este tapete lilás, e apenas mancharíamos o nada, pois não existiriam as alfazemas.
Negar Deus não é ciência, mas loucura, pois só um louco pode dizer sem sofrer censura de si próprio que surgiu do acaso.
Formatação:- o caçador de imagens
Recebido por e-mail do
Amigo Pedro Paulo