Ocorreu um erro neste gadget

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

5 Maneiras de evitar a energia negativa dos outros !


5 maneiras de EVITAR a ENERGIA NEGATIVA dos OUTROS ! 

Independente de religião ou doutrina, você é o autor de seu próprio estado energético. 

Sabemos que empatia é a capacidade de reconhecer e sentir as emoções de outras pessoas. 

Simpatia, sentir compaixão por outras pessoas. 

Muitas vezes para ser um “empata” significa que você estará absorvendo grande parte da dor e sofrimento em seu ambiente, o que pode sacrificar sua capacidade de se expandir a um nível mais elevado.

Se você convive frequentemente com uma pessoa negativa, você sabe o quão tóxica a sua energia pode ser. 


Aprender a não absorver as energias de outras pessoas é uma grande habilidade espiritual a se desenvolver. 

Aqui estão cinco maneiras de parar de absorver a energia negativa de outras pessoas.

1) Lembre-se, você não pode agradar a todos

Se alguém lhe assediar moralmente, reclamando sobre você, ou desrespeitar você, não faça de sua missão tentar convencer essa pessoa a gostar de você. 


Isso só vai sugar você ainda mais o seu campo de energia e vai fazer de você energeticamente dependente da opinião deles.

Nem todo mundo vai gostar de você. 


Todos estamos, aqui na terra, vivendo com um propósito diferente. 

Ao amar a si mesmo em primeiro lugar, você irá criar um campo de força em torno de outras pessoas que irá protegê-lo de ser tão esgotado por suas opiniões.

Também lembre-se: você não pode mudar ninguém. 


Não faça de sua missão tentar corrigi-los nesse momento também. 

Às vezes, a melhor coisa que você pode fazer é não tentar mudá-los, pois, agindo assim, você não vai alimentar a energia que eles estão projetando em você.

2) Tenha cuidado com quem você convida para a sua vida

Seu corpo, sua mente e o seu ambiente são o seu templo. 


Quem você está convidando para eles? 

É um convite aberto? 

Será que as pessoas ainda limpam os pés antes de caminhar ao redor deles, ou arrastam-lhe a lama de sua alma?

No Brasil existe uma gíria chamada folgado. 


O significado direto é “solto” ou “preguiçoso”, mas que realmente significa “freeloader”. 

Não é exato no Inglês equivalente pois é mais uma mentalidade do que um estilo de vida.

Se você dá a uma pessoa um pedaço de pão, um dia, eles vão pedir pão todos os dias. 


Se você deixar alguém ficar em sua casa para um fim de semana, então eles vão tentar ficar a semana toda (ou duas!).

Uma vez eu pensei que minha esposa estava ficando fria e com um espírito mesquinho para com alguns dos nossos vizinhos. 


Depois que eu percebi que ela estava apenas respeitando a si mesma e a sua casa! 

Eu valorizava sua postura e adotei o estilo como meu, a partir daí.

É ótimo ser generoso, mas há uma linha tênue a trabalhar para que você você não seja pisoteado, assim, optando por ajudar aqueles que realmente precisam. 


Aprenda a dizer “não” é estar bem com isso.

3) Parar de prestar atenção

Um parasita precisa de um hospedeiro para sobreviver. 


Quando você presta atenção em alguém, você está dando-lhe energia. 

Ou seja, se você se concentrar em vampiros de energia, eles vão entrar em sua mente e vão roubar seus pensamentos, diminuindo drasticamente seus níveis de energia.

Algumas pessoas vão despejar sua energia em você e então dirigir para o próximo “pit stop“. 


Um ouvido amigo pode ser uma coisa maravilhosa, mas é, necessariamente, uma linha que precisa ser cuidado se se quiser manter a saúde de sua energia.

Talvez você encontrou-se como uma fonte de uma pessoa para retransmitir as suas frustrações no trabalho, um relacionamento ou mesmo realizações bem-sucedidas. 


Todas estas emoções podem drenar você de várias maneiras e fazer com que você comece a limitar a sua própria vida de maneiras não produtivas.

Ame-se o suficiente para ajustá-los, dizer-lhes para parar, ou dizer-lhes que você não pode lidar com isso agora. 


Não economize em rejeitar sua energia tóxica.

4) Inspire natureza

Vá para a natureza meditar, relaxar e respirar. Purifique a água dentro de você, exercite e flutue fácil.

Esteja como uma borboleta, flutue suavemente, mas mova-se rapidamente. 


A respiração aumenta a circulação do fluxo sanguíneo ao redor do corpo e ajudará a evitar que você absorva a energia daqueles que o rodeiam. 

Caminhe com confiança, mantenha a cabeça erguida e não permita que ninguém faça você se sentir inferior. 

A lagarta come tudo em torno dela e se torna gorda, imóvel.

Deve-se primeiro tornar-se luz, a fim de voar.

5) Tome 100% de responsabilidade por seus pensamentos e emoções

Como você se sente é 100% sua própria responsabilidade. 


O universo está enviando pessoas para a nossa vida para nos testar. 

A percepção que temos de nós mesmos é maior do que a percepção que os outros têm de nós.

Você não é uma vítima, ninguém tem poder sobre você.

Considere como seus pensamentos ou expectativas podem ter manifestado a situação que está incomodando você. 


E se a resposta estiver dentro de seu nível de paciência, irritabilidade ou compaixão? 

A menos que tomemos um tempo para nos observar, nós inconscientemente afirmamos nossa própria vitimização para o mundo que nos rodeia.

Uma vez que você se torna responsável pela maneira que você escolhe responder a algo, você se conecta com você mesmo a um nível mais profundo. 


Quando você está conectado a si mesmo a um nível mais profundo, você começa a não ser abatido nem projetado para fora de seu centro tão facilmente.

Coloque-se em situações que aumentam as suas próprias energias.

Esta pessoa faz com que você se senta bem? 


Você faz essa pessoa se sentir bem?

Você é merecedor de uma experiência brilhante e é hora de perceber isso! 


Aprenda a proteger-se contra as energias de outras pessoas e comece com o amor-próprio.

Lembre-se de que é importante para você estar feliz e em paz. 


Esteja pronto para dizer não.

Você é o autor de seu próprio estado energético.
******************************



 
Fonte: Alegria Sempre
Mensagem Espírita.

terça-feira, 5 de dezembro de 2017

Melancolia




Dentre os vários problemas com que se debate a Humanidade, está a melancolia.

A melancolia é um estado d'alma de difícil definição, porque se manifesta nas profundezas do sentimento.

Sabemos que não nos encontramos pela primeira vez na Terra. Já vivemos aqui em outras épocas, em outros países, na companhia de outras pessoas.

Viajores que somos da Eternidade, trazemos em nós as marcas das experiências vividas nas várias existências.

Hoje estamos na Terra novamente, num corpo diferente, talvez nesse país por primeira vez, numa situação social diversa da vivida em outras épocas.

Assim sendo, vez que outra nos deparamos com situações que tocam pontos guardados nos porões da nossa alma, e sentimos uma saudade de algo que não sabemos o que é.

Ou, ainda, sentimos uma vaga tristeza, uma depressão injustificável.

Fatos, situações, pessoas, música, perfume são indutores dessas incursões inconscientes no passado e, conforme tenha sido a experiência, será o sentimento.

Se o registro é de uma experiência feliz, nos sentiremos bem. 

Se, ao contrário, foram experiências malfadadas, teremos o sentimento correspondente.

Existem pessoas que, quando se deparam com o tempo nublado, frio e cinzento, sentem-se deprimidas.

Outras, o tempo chuvoso as faz sentirem-se muito bem.

Outras, ainda, quando ouvem uma música, sentem-se transportadas imediatamente de um estado d'alma a outro completamente inverso.

Por vezes, pessoas do nosso relacionamento nos dizem alguma coisa que nos deixa tristes, melancólicos, sem que exista motivo para tanto. 

Mas o problema não está no que dizem, e sim em como dizem.

Quando nos percebermos mergulhados em melancolia, devemos fazer esforços para mudar o clima psíquico, através da leitura edificante, de uma prece, da companhia de alguém que nos ajude a sair dela.

Jamais deveremos dar asas a esse tipo de sentimento, para que não mergulhemos nele ainda mais, a ponto de perdermos o controle da situação.

Nos momentos de depressão, quando inconscientemente mergulhamos no passado, Espíritos infelizes ou antigos comparsas podem tentar nos envolver nas mesmas teias dos equívocos por nós cometidos anteriormente, levando­-nos a estados de difícil retorno.

Por essa razão é que não devemos nos entregar aos braços da melancolia ou da depressão.

É imperioso que façamos esforços, que busquemos com muita vontade mesmo, mudar nosso clima mental, buscando a sintonia com nossos Benfeitores Espirituais, que sempre nos amparam e auxiliam em todos os momentos da nossa existência.

Agindo assim, guardemos a certeza que logo mais, num amanhã feliz, saberemos o quanto valeu a pena passarmos por essas situações com coragem e dignidade, porque, então, nos aguardarão de braços abertos, os afetos dos quais tanta saudade sentimos.

* * *

Expulse a melancolia da sua alma fazendo luz íntima. 

Acenda a lâmpada do Evangelho na sua mente.
 
Autor desconhecido

Parentes Difíceis




Aceite os parentes difíceis na base da generosidade e da compreensão, na certeza de que as Leis de Deus não nos enlaçam uns com os outros sem causa justa.

O parente-problema é sempre um teste com que se nos examina a evolução espiritual.

Muitas vezes a criatura complicada que se nos agrega à família, traz consigo as marcas de sofrimento ou deficiências que lhe foram impostas por nós mesmos em passadas reencarnações.

Não exija dos familiares diferentes de você um comportamento igual ao seu, porquanto cada um de nós se caracteriza pelas vantagens ou prejuízos que acumulamos na própria alma.

Não tente se descartar dos parentes difíceis com internações desnecessárias em casas de repouso, à custa de dinheiro, porque a desvinculação real virá nos processos da natureza, quando você houver alcançado a quitação dos próprios débitos ante a Vida Maior.

Nas provações e conflitos do lar terrestre, quase sempre, estamos pagando pelo sistema de prestações, certas dívidas contraídas por atacado.
 
 André Luiz
Chico Xavier

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Ingredientes do Êxito



O êxito espera por você, tanto quanto, vem exaltando quantos lhe alcançaram as diretrizes.

Largue qualquer sombra do passado ao chão do tempo, qual a árvore que lança de si as folhas mortas.

Não se detenha, diante da oportunidade de servir.

Mobilize o pensamento para criar vida nova.

Melhore os próprios conhecimentos, estu- dando sempre.

Saliente qualidades e esqueça defeitos.

Desenvolva os seus recursos de simpatia e evite qualquer impulso de agressão.

Se você pode ajudar, em auxílio de alguém, faça isso agora.

Enriqueça o seu vocabulário com boas pala-vras.

Apredendo a escutar, você saberá compreen-der.

A melhor maneira de extinguir o mal será substituí-lo com o bem.

Destaque os outros e os outros destacarão você.

Viva o presente, agindo e servindo com fé e alegria, sem afligir-se pelo futuro, porque, para viver amanhã, você precisará viver hoje.

Habitue-se a sorrir.

Recorde que desalento nunca auxiliou a nin-guém.

Não permita que a dificuldade lhe abra porta ao desânimo porque a dificuldade é o meio de que a vida se vale para melhorar-nos em habilitação e resistência.

Ampare-se amparando os outros.

Censura é uma fórmula das mais eficientes para complicar-se.

Abençoe a vida e todos os recursos da vida onde você estiver.

Nunca desconsidere o valor da sua dose de solidão, a fim de aproveitá-la em meditação e re-ajuste das próprias forças.

Observe:-
- Todo tempo é tempo de Deus para restaurar e corrigir, começar e recomeçar.


André Luiz
Chico Xavier

Tempo ...



domingo, 3 de dezembro de 2017

Aviso do Tempo



O tempo endereça às criaturas o seguinte aviso, em cada alvorecer:-
- Certamente, Deus te concederá outros dias e outras oportunidades de trabalho, mas faze agora todo o bem que puderes porque dia igual ao de hoje só terás uma vez.


Emmanuel
Francisco Cândido Xavier

Força Interior


Força Interior

Não menosprezes a força interior que Deus te conferiu como dom natural.

Essas energias superiores estão em ti, basta somente que as liberte e um fluxo energético te guiará melhor ante tua própria existência.

O acontecimento não é o que ocorreu, mas sim o que fazes com aquilo que ocorreu. 

Podes tornar pior ou suavizar tuas tribulações pelo jeito com que reages a elas.

Tua dor será sanada.

Teu conflito, extirpado.

Tua ansiedade, apaziguada.

Tuas buscas sempre encontrarão porto feliz.

Usa abundantemente tua luz interior e terás maior lucidez e discernimento em tua casa mental.

As soluções fluirão mais fáceis, se te integrares nesta força íntima que habitam em ti, pois és herdeiro de Deus.

Ele habita em teu âmago; busca-O, e essas potencialidades divinas estarão mais disponíveis em ti mesmo.

Assim, a harmonia e a serenidade estarão contigo, reforçando o elo que te ligara Divina Providência.


sábado, 2 de dezembro de 2017

Tu não estás sozinho nas lutas do mundo. O Pai te vê e ampara.



Tu não estás sozinho nas lutas do mundo. 



Tu não estás sozinho nas lutas do mundo.

O Pai te vê e ampara.

Amigos do Alto te socorrem, sem que percebas.

Por isso, prossegue servindo e amando.

Fracasso é lição.

Dor é iluminação.

Dificuldades são oportunidades de progresso.

Esquece o mal que porventura te atinge.

Entrega os problemas ao tempo, que tudo resolve.

Trabalha no Bem e o Bem responderá com a paz na tua consciência.

Tudo ocorre visando ao progresso das criaturas.

Segue operando com a luz do Evangelho, e a alegria iluminada de Jesus inundará tua alma, fortalecendo-te para as lutas redentoras que te conduzirão à vitória final.


Scheilla
Clayton Levy


Ser.... ou não Ser ?


Ser.... ou não Ser ?

O maior desejo do ser humano é SER e eu quero SER. 

E esse anseio geralmente surge quando a noite vai alta e o sono não chega (bendito sono, por onde andas?) e vou para a janela do quarto para espiar porque o luar está pouco nítido, tão frio e esmaecido que nem dá para notar alguns vultos sombrios dispersos, perdidos na madrugada. 

É quando sinto no peito aquela vastidão pertencente à minha alma. 

Ela é triste, descomunal, enorme, desmedidamente triste. 

Minha ternura não cabe em mim. 

Extravasa. 

Não se fecha. 

Abre-se ao leu. 

Minha ternura acolhe, afaga e abriga sem distinguir, sem avaliação preconcebida do bom ou ruim, toda e qualquer desgraça, todas as dores, todas as alegrias e incertezas que povoam todas as gentes, toda esta Humanidade pelo mundo todo e, qualquer desastre, qualquer tragédia, qualquer fato, história ou qualquer acontecimento nunca são alheios à minha alma. 

Sinto assim. 

Assim mesmo conforme estou sentindo, porque é unicamente assim e, o meu ser físico assume um feitio metafísico. 

Ser? 

Ou não ser, eis a questão como disse o bardo.



sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

O Perfume do Trabalho


O Perfume do Trabalho

É comum ouvir de certos encarnados a expressão pela ânsia de férias, de descanso, na pauta da vida. 
 
Como se enganam esses companheiros, quando querem somente livrar-se do labor!
  É necessário que se compreenda que o trabalho é a base da vida; é, por assim dizer, a essência de tudo, é o princípio do progresso, na expansão das belezas imortais.

Deus nos mostra o valor do trabalho pelas coisas que observamos no universo... 

Quem foi que fez os sóis? 

Quem fez as estrelas? 

Quem organizou a natureza? 

E, enfim, quem fez as coisas observáveis? 

Foi o Senhor, pelos fios do que chamamos trabalho.

Se queres crescer para Deus, dá demãos ao trabalho, em qualquer parte a que fores chamado a realizá-lo, seja ele qual for.

Trabalha na vigilância da oficina da mente, trabalha na lavoura do verbo, trabalha nas regiões da própria vida.

Trabalha, meu irmão, no pequeno, para que possas ser grande na grandeza da vida, procurando no sentimento do coração os valores da vida, do amor, da caridade, da fraternidade e do perdão.

O trabalho pode aparecer em qualquer lugar, mesmo em se conduzindo graves enfermidades, pois o enfermo pode mostrar, como trabalhador, como ter paciência, compreendendo as lições. 

Nas profissões, pode-se dar exemplo de trabalho digno com honestidade, onde se pode evidenciar o Cristo atuante, como exemplo de luz.

Aquele que consegue a urdidura do amor no trabalho, dele sente o aroma, lembrando Jesus, porque o trabalho na caridade perfuma, cura, eleva e dignifica a fé, mostrando que Deus é Pai, Jesus é o Guia. 

A humanidade se unifica pelo labor em uma só fé e em um só amor, procurando salvar-se pelas forças da caridade, que é um trabalho divino, sob a égide de Deus, nas bênçãos de Cristo, pela expressão da benevolência.

(Página recebida em 28/07/90, no Grupo Espírita Seara de Deus, em Janga, Paulista, PE)
Scheilla
De “Páginas Esparsas 3”, de João Nunes Maia, pelos Espíritos Scheilla e José Grosso   






Em Ti


Em Ti

Porque te acontecem coisas desagradáveis e nem tudo corre conforme gostarias que sucedesse, não te creias fora do auxílio de Deus.

Ninguém que siga ao desamparo divino.

O que ocorre de prejudicial, neste momento, bendirás depois.

O insucesso de agora se transformará em bênção mais tarde, se souberes esperar superando este momento.

Deu está em toda parte e, obviamente, em ti e contigo também.

Procura encontrá-Lo, não somente nas ocorrências ditosas, senão em todos os fatos e lugares.

O desafio da evolução é proposta de vida a ser conquistada por cada um em particular, e por todos em geral.

Intenta retirar o melhor proveito do aparente insucesso, que se converterá em lição preciosa em teu favor, quando de outros cometimentos.

O homem é templo de Deus, qual ocorre com a Natureza.

Reserva-te a satisfação de ser cada dia melhor do que no anterior, de forma que Ele em ti habite e, sentindo-O, conscientemente, facultes que outros indivíduos também O encontrem.

Assim, não te concedas ideias perniciosas, nem te proponhas frustrações ou amarguras dispensáveis, no teu programa de redenção.

Pelo Espírito Joanna de Ângelis
De “Episódios Diários”, de Divaldo Pereira Franco  



quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Aprender a amar ...


Aprender a amar... 
 
Aprender a perdoar... 
 
Isso equivale a aprender a ser inteiro, ser livre. 
 
Mas são aprendizados muito difíceis, que requerem muita fé em Deus.

Somente duas coisas podem nos ajudar nessa tarefa:-
- O tempo, que nos amadurece, nos faz mais humildes e alunos de tudo; e a espiritualidade, que nos dá o conhecimento interior e, com ele, a certeza de não nos perdermos nos labirintos do caminho.
 
Repita comigo essas palavras:-
- Senhor, creio em ti! 
-Senhor, creio em ti! Senhor, creio em ti!
- Creio que és o doador da vida. 
- Creio que és meu Salvador. 
- Creio que és a ressurreição e a vida. 
Ajuda-me a manter-me firme no que estou crendo.

“...quem crê em mim fará as obras que eu faço, e fará ainda maiores do que estas. 
Pois eu vou para o Pai. 
E o que pedirdes em meu nome, eu o farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. 
Se pedirdes algo em meu nome, eu o farei” 
 (Jo 14,12-14)
AMÉM
 

O tesouro mais precioso.


O tesouro mais precioso.
 
Uma mulher velha e sábia fazia uma viagem através das montanhas quando, no leito de um rio, encontrou uma pedra preciosíssima.
 
No dia seguinte, continuando o seu caminho, deparou-se com um viajante que tinha fome. 
 
Para atender ao seu pedido de ajuda, a mulher abriu a bolsa para dividir com ele a comida. 
 
O homem deslumbrou-se com a visão da pedra e pediu à mulher que lha desse de presente, o que ela fez sem hesitar.
 
O viajante se foi, rejubilando-se por sua sorte... 
 
Aquela pedra poderia garantir-lhe segurança e bem-estar por toda a sua vida.
 
Mas, alguns dias depois, ele voltou à procura da mulher... 
 
Ao encontrá-la entregou-lhe a pedra dizendo:-
- “Pensei muito e sei bem o valor dessa pedra, mas venho devolvê-la. 
- O que eu quero é algo muito mais precioso... 
 
Se for possível, me dê o que está dentro da senhora e que a fez capaz de entregar-me sem hesitação um tesouro como esse.” 
 
Desconheço o autor.
 
 

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Paz em Gaia - O maravilhoso Planeta Terra...




Você sabe Amar ?


Você sabe amar? Eu estou aprendendo.


Você sabe amar? 
Você sabe amar? 
Eu  estou aprendendo. 
Estou aprendendo a aceitar as pessoas, mesmo quando elas me desapontam. 
Quando fogem do ideal que tenho para elas, quando me ferem com palavras ásperas ou ações impensadas.
É difícil aceitar as pessoas assim como elas são, não como eu  desejo que elas sejam. 
É difícil, muito difícil, mas estou aprendendo.
Estou aprendendo a amar. 
Estou aprendendo a escutar, escutar  com os olhos e ouvidos, escutar com a alma e com todos os sentidos.
Escutar o que diz o coração, o que dizem os ombros caídos,  os olhos, as mãos irrequietas. 
Escutar a mensagem que se esconde por entre as palavras corriqueiras, superficiais.
Descobrir a angústia disfarçada, a insegurança mascarada, a solidão encoberta. 
Penetrar o sorriso fingido, a alegria simulada, a vanglória exagerada.
Descobrir a dor de cada coração.
Aos poucos, estou aprendendo a amar. 
Estou aprendendo a perdoar. 
Pois o amor perdoa, lança fora as mágoas, e apaga as cicatrizes que a incompreensão e a insensibilidade gravaram no coração ferido. 

O amor não alimenta mágoas com pensamentos dolorosos.
Não cultiva ofensas com lástimas e autocomiseração. 
O amor perdoa, esquece, extingue todos os traços  de dor no coração.
Passo a passo, estou aprendendo a perdoar, a amar.
Estou aprendendo a descobrir o valor que se encontra dentro de cada vida, de todas as vidas.
Valor soterrado pela rejeição, pela falta de compreensão, carinho e aceitação, pelas experiências duras vividas ao longo dos anos.
Estou aprendendo a ver nas pessoas a sua alma e as possibilidades que  Deus lhes deu.
Estou aprendendo... 
Mas como é lenta a aprendizagem!!! 
E como dói.
Como...., é difícil amar, amar como Cristo amou! 
Todavia, tropeçando, errando, estou aprendendo...
Aprendendo a pôr de lado as minhas próprias dores, meus interesses, minha ambição, meu orgulho, quando estes impedem o bem-estar e a felicidade de alguém!  


Autoria Desconhecida

Você sabe amar?
http://www.somostodosum.com.br/artigos/autoconhecimento/voce-sabe-amar--1510.html
Você sabe amar?
http://www.somostodosum.com.br/artigos/autoconhecimento/voce-sabe-amar--1510.html
Você sabe amar?
http://www.somostodosum.com.br/artigos/autoconhecimento/voce-sabe-amar--1510.html